sábado, 27 de junho de 2015

De janeiro a junho... Um semestre, muitos aprendizados!

"Fernando Pessoa disse que a medida do relógio é falsa. Realmente é, falsa em relação com o relógio das crianças, das experiências infantis, das experiências subjetivas e das situações de aprendizagem e "ensinância"..." 
Loris Malaguzzi

O final do semestre vai se aproximando. Com ele surge o cansaço, a expectativa sobre as férias e também o tempo de olhar para o que passou e pensar: quantas coisas foram feitas!
Na Educação Infantil, parece que foi ontem o período de adaptação. Com mães ansiosas circulando pelo quintal, olhos marejados em ver que mais uma etapa da vida de seus filhos se iniciava.
Novos grupos de alunos foram se construindo... Tivemos o tempo da leitura e da escrita, da matemática, das aulas de inglês, atividades de arte, de música, algumas lições de casa. Tempo do recreio, das brincadeiras, jogos e aulas de educação física.


A dedicação dos professores, a vontade de aprender dos alunos. A rotina e a preocupação, a confiança e apoio dos pais.
As relações que se construíram e os amigos... talvez o mais importante.



Tivemos o tempo da construção do saber. Com a força e a solidez do grupo, dos interesses em comum. Onde o brincar, o faz-de-conta, o compartilhamento da imaginação, dos sonhos, das expectativas não pode ser medido no tempo do relógio.


E é com alegria que encerramos mais um semestre! Já pensando nas aventuras do próximo, mas sem pressa, pois entre o tempo disso e daquilo, precisa existir o tempo do ócio, do descanso, o tempo poético que é o tempo da criação, é o tempo que nos faz quem somos. É um tempo localizado na intensidade do que se vive, na qualidade do que se vive! E esse tempo, acabamos por perder quando crescemos.
As crianças precisam da liberdade do brincar com a vida para poderem crescer em harmonia com a mesma!

Boas férias!
Equipe Pedagógica da Educação Infantil

sexta-feira, 12 de junho de 2015

Músicas "tocantes", saias rodadas, movimentos livres, brincadeiras e muita alegria!




“A origem da Festa Junina está ligada ao período da colheita dos alimentos nos campos de cultivo de todo o mundo. O solstício de inverno, ou seja, o dia que tem a noite com duração mais longa durante o ano, nos países do hemisfério Sul, determinou uma festa noturna e ao redor das fogueiras por conta do frio e do cozimento dos alimentos colhidos.
A história da humanidade foi associando essa festa às comemorações das diversas culturas. No Brasil, ela está relacionada a São João, santo católico; a Xangô, nas religiões de influência africana e aos índios, nas brincadeiras de pular fogueiras, em noites de saci e dias de coraci.” (fonte: site tempo de escola)
Por pertencer ao ciclo de festas populares brasileiras e favorecer uma conexão com as raízes culturais, a festa junina acontece no CLQ todos os anos.
A vivência das músicas, das danças, do sabor dos alimentos e do clima da decoração despertam o imaginário das crianças. Para tornar a festa mais significativa, na Educação Infantil, no mês de junho, todos os alunos são envolvidos na organização e no preparo da festa, de forma individual ou coletiva, de acordo com as possibilidades das faixas etárias.





Durante os preparativos, apresentamos fotos e materiais utilizados nos anos anteriores como uma forma de despertar nos alunos a familiaridade com o contexto e gerar uma participação significativa. Apresentamos livros, imagens, vídeos e músicas, também para provocar interesse e conversas sobre o tema.
Discutimos com as turmas os enfeites das salas e as músicas preferidas para serem tocadas na festa e a coreografia da dança, para trabalhar aprendizados dos diversos campos de experiência e construir o significado da festividade.
As brincadeiras comuns nas festas juninas também são muito experimentadas pelas crianças durante esse período. Cada grupo confeccionou um tipo de brincadeira (derruba-latas, pescaria, boca-do-caipira, argola, bolinha-na-casinha) e ensinou as regras às demais turmas.
Todas as danças, brincadeiras e guloseimas juninas foram experimentadas, pelas crianças no “Arraiá da Educação Infantil”, que aconteceu hoje, apenas para as crianças.
Aguardem! Mais festa vem pela frente: o grande Arraiá do CLQ, no dia 20 de junho.